Obesidade X Câncer de Mama

Você sabia que existe uma íntima relação entre obesidade e diversos tipos de câncer?

por Maria Júlia Freitas

Por Isabella Cunha

 

O excesso de peso causa um estado de inflamação crônica no corpo e o sistema imune se prepara para conter esse processo, mas durante isso mecanismos de defesa do corpo também podem atacar células saudáveis, contribuindo para um crescimento celular doserdenado, momento que pode surgir o câncer. Entre eles, o câncer de mama, que é combatido com diagnóstico precoce e prevenido no mundo inteiro através do outubro rosa, campanha mundial que leva a conscientização e a importância do check up anual na prevenção dessa doença, que ceifa milhares de vidas no mundo inteiro. Mas esse é um assunto que precisa ser abordado o ano inteiro. Portanto, de janeiro a dezembro cuide da sua saúde!

Estima-se que as mulheres com obesidade tem 20% de chances a mais de desenvolver o câncer de mama após a menopausa quando comparadas com as que se encontram dentro da faixa normal de peso.

Existem alguns fatores de risco que são modificáveis e não modificáveis para o câncer de mama.

Os fatores:

Não modificáveis: idade (mulheres acima de 50 anos) , sexo feminino, menarca precoce (primeira menstruação muito cedo), menopausa tardia (última menstruacao após 55 anos), não ter tido filhos, não ter amamentado, histórico familiar (primeiro grau: mãe, irmãs e filhas)

Modificáveis: obesidade (ganho de peso), sedentarismo (falta de exercício físico regular), estresse, consumo excessivo de álcool, tabagismo, consumo diário de alimentos industrializados.

Diante disso é imprescindível ter a conscientização, da importância do check up preventivo anual, com consultas médicas periódicas, exames laboratoriais e exames de imagem, como a mamografia anual (indicada para pacientes a partir de 40 anos) como forma de rastreio e detecção precoce do câncer de mama, associado também ao combate da obesidade, podendo assim viver uma vida mais leve e com saúde.

 

Você pode gostar

Deixe um comentário